fbpx

Experiência de usuário e como ela se converte no seu e-commerce?

Você que trabalha com e-commerce, tenho certeza que já se deparou com algum conteúdo na internet falando sobre a importância da experiência do usuário (User Experience em inglês, com sua sigla UX), mas provavelmente não te contaram que essa experiência de usuário vai muito além de um design bonito, e hoje vou contar para você a importância de se pensar nisso, aplicar da forma correta e como a experiência do usuário converte muito mais o seu e-commerce.

Cada dia que passa, os consumidores na internet estão mais exigentes, e por isso é sempre importante estar por dentro das novidades do mercado e sobre as práticas de consumo do público.

Não adianta você ter uma estratégia bem planejada de tráfego pago no Google ou nas redes sociais se quando o seu público entra no seu site não se interessa e logo sai, uma explicação para a alta taxa de rejeição do seu site é: a própria experiência do usuário, por isso é importante destacar que o seu site seja otimizado e retenha o interesse do consumidor.

A palavra chave aqui é otimização, se você tem um site com um design inteligente, organizado e que o consumidor encontra com facilidade aquilo que precisa, você está no caminho certo!

Perante o conteúdo:

As suas informações e conteúdos devem seguir algumas premissas, você deve se atentar para que essas informações sejam:

Úteis: você deve despertar o interesse no consumidor.

Utilizáveis: seu site deve ser fácil de acessar.

Facilidade: o consumidor deve encontrar com facilidade aquilo que precisa.

Acessíveis: qualquer pessoa deve compreender,  conseguir usar seu site com facilidade e comprar sem qualquer limitação.

Desejável: você deve despertar desejo e a consideração da marca.

Valiosas: aqui não é apenas no preço, e sim em como o seu produto encantará o consumidor.

Críveis: A premissa de qualquer coisa, não engane seu consumidor, cumpra com aquilo que você promete.

Clique aqui para assistir a aula gratuita.

03 Dicas para melhorar a experiência de usuário do seu e-commerce

01 – Analise o comportamento dos usuários

Já de início a dica é sempre estar por dentro das métricas do google analytics e mapas de calor de comportamento do seu usuário, observando tempo de visitação, páginas mais visitadas e demais comportamentos, ter esse mapeamento completo faz com que você valide algumas ideias e tenha alguns insights.

02 – Site mobile

O comportamento principal de compra atualmente é de usuários que utilizam os e-commerces via dispositivos mobile, por isso se atente em ter um site que a usabilidade seja simplificada e otimizada para celulares.

03 – Personalize a experiência

Personalizar a experiência e mostrar ao cliente os produtos que ele realmente tem interesse é muito mais assertivo do que mostrar itens aleatórios.
Para isso, você pode utilizar vitrines de recomendação e busca inteligente baseados em inteligência artificial e também pode montar hotsites para diferentes públicos, com uma seleção dos produtos mais relevantes para cada grupo.

Conclusão

Contudo, proponho a você um desafio, se você está tendo taxas baixas de conversão ou altas taxas de rejeição em seu site, aprofunde-se na experiência do usuário, aplique essas estratégias ao seu e-commerce, e depois, compare as métricas do antes e depois.

Um abraço, até mais!

Compartilhar esta matéria

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

PRECISA DE MAIS INFORMAÇÕES?

Estamos aqui para ajudá-lo. Por favor, preencha o formulário abaixo e entraremos em contato com você:

©2020 - E-commerce Rocket