fbpx

Como usar o linkedin para estratégias de marketing

Todos sabemos que atualmente as mídias sociais se tornaram muito importantes para que as empresas divulguem sua marca, afinal, estar presente nas redes sociais faz total diferença, é basicamente um contato direto com um potencial cliente.

E se você chegou até aqui, querendo saber sobre dicas para usar o Linkedin ao seu favor, se liga na leitura desta matéria.

O LinkedIn é uma das maiores redes sociais do mundo. Com mais de 750 milhões de usuários, a rede social é voltada para a vida profissional e é uma ótima plataforma para  se relacionar.

1. Fortaleça a marca pessoal

O LinkedIn tem a proposta de fortalecer a sua marca pessoal. E isso, não é só quando se troca de emprego, e sim, com o intuito de ter conversas e trocas de experiências no âmbito profissional.

2. Crie uma boa rede de contatos

Não é porque se trata de uma rede profissional, que não se deve priorizar a interação com outras pessoas, portanto, adicione o máximo de pessoas que possam agregar à sua rede por lá. O LinkedIn dá bastante visibilidade para quem interage com sua rede de contatos, então, não fique somente em curtidas, comente nas publicações, publique você mesmo e interaja bastante com seus contatos.

O LinkedIn também tem a opção de compartilhar conteúdos e trocar ideias por mensagens, e isso ajuda muito para quem trabalha estratégias de marketing de relacionamento.

E quando for usar as mensagens Inbox, não seja inconveniente, antes de sair oferecendo seu produto para todos os seus contatos, selecione as pessoas e pergunte se ela está disposta a conversar.

3. Como gerenciar uma página empresarial

O primeiro passo é criar a sua company page no site. Assim como as fanpages do Facebook, a Company Page é o perfil da empresa na rede social.

Por lá, você é seguido pelo seu público, publica conteúdo e gerencia anúncios gerados na própria plataforma.

Criar uma company page no LinkedIn é muito fácil, basicamente é assim, clique em “Soluções” no canto superior direito da página e escolha “Crie uma Company Page”. Em seguida, você escolherá a sua URL personalizada, confirmará que é um representante oficial da empresa e pronto,  página criada com sucesso.

4. Engajando público no Linkedin

Para se ter um bom funcionamento do LinkedIn, é essencial ter engajamento, tanto no perfil pessoal ou na página da empresa, você precisará ser notado, então, desperte  interesse e estimule o contato do público com seu negócio.

O passo mais simples para engajar é sempre criar conteúdos atrativos e relevantes. O consumidor geralmente é exigente e quer ser abordado com materiais que fazem sentido para seu momento, materiais que possam ajudá-los a solucionar problemas e superar suas necessidades e dores. 

O LinkedIn também recompensa com o tão esperado alcance as pessoas e marcas que melhor interagem na plataforma. Portanto, não fique sem postar (quem é visto, é lembrado, concorda?), mas não se esqueça, além de criar postagens relevantes, não deixem de comentar nas publicações, engajar em conversas, ou seja, se relacione com outros usuários da plataforma.

Os perfis e páginas que não engajam são menos mostrados e, consequentemente, menos lembrados pelos consumidores. Então aqui vai uma dica de ouro, mantenha uma periodicidade de postagens enquanto interage também com aqueles ao seu redor, isso vale não só apenas para o Linkedin, mas para todas as outras redes sociais.

5. Estratégia de conteúdo para LinkedIn

É fundamental ter uma estratégia de conteúdo forte dentro do LinkedIn. Além disso, diferentemente da maioria das redes sociais, o LinkedIn possui editores de conteúdo que selecionam as postagens mais relevantes para ganharem destaque na rede. 

Porém, não adianta sair postando tudo, sobre todos os assuntos da atualidade. Selecione assuntos que vão se conectar com o seu contexto pessoal e profissional.

6. Anúncios no Linkedin

A estratégia de marketing dentro do Linkedin dá a opção de anúncios para empresas, em um formato semelhante ao do Facebook Ads.

No Linkedin Ads é possível patrocinar atualizações postadas na sua página empresarial ou criar formatos diferentes, como por exemplo,  displays mostrados no canto das páginas do site, e ainda até vagas de emprego podem ser patrocinadas e impulsionadas como um anúncio.

Uma grande vantagem de fazer anúncios no Linkedin é a possibilidade de segmentação, que aumenta as chances de alcançar as pessoas certas.

A plataforma tem ênfase no meio profissional, então, a rede permite segmentar anúncios por diversos aspectos das empresas onde os profissionais trabalham, como número de funcionários, setor de atuação e localização, por exemplo. Além disso, os dados pessoais também são levados em conta, como,  idade do público, local onde moram, nível de experiência, cargo profissional, etc…

Porém,  o  investimento para criar campanhas de anúncios no Linkedin é um pouco maior do que no Facebook. Mas, considerando a possibilidade que a plataforma oferece de segmentações e direcionamentos do seu anúncio à pessoas certas,  então não considere caro o investimento, vale a pena. Com o direcionamento certo, o potencial dos seus leads serem qualificados é bastante alto.

Conclusão

Investir em anúncios nas redes sociais, é indispensável atualmente. E a plataforma Linkedin é uma boa opção, afinal, toda a plataforma é voltada ao meio profissional. 

Então, se você ainda não começou a anunciar por lá, acredito que após ler esta matéria, já está sentindo uma “coceirinha” para começar, não é?

E o que eu posso dizer é: ARRISQUE, marketing é baseado em testes, e talvez, seja o que está faltando para suas vendas aumentarem ainda mais.

Até mais.

Compartilhar esta matéria

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

PRECISA DE MAIS INFORMAÇÕES?

Estamos aqui para ajudá-lo. Por favor, preencha o formulário abaixo e entraremos em contato com você:

©2020 - E-commerce Rocket